quarta-feira, 4 de maio de 2016

A Lara Croft nos quadrinhos


Vamos falar da Lara Croft.

O jogo "TOMB RAIDER" foi lançado em 1996 para o Playstation 1 e também foi uma revolução, fazendo bom uso do ambiente 3d.

E também lançou a Lara Croft, uma das personagens mais identificáveis de todos os tempos, junto com o Mario e o Sonic.

O jogo era copiado..ahem...inspirado em "Indiana Jones" e a princípio iria ter um personagem masculino, mas depois foi sendo adaptado para ser uma mulher.

O jogo e a personagem viraram uma febre, o que a tornou alvo de muitas críticas de feministas chatas. As mesmas feministas que reclamam que a Viúva Negra não tem filme próprio são as mesmas que reclamaram da Lara Croft quando ela estava em evidência.

Como geralmente acontece, o sucesso do jogo levou a produção de uma série de quadrinhos, mas o diferencial aqui foi a qualidade das histórias. Não aconteceu o garrancho execrável que aconteceu com outras franquias de jogos (cof cof..Mortal Kombat..cof cof)

A editora Top Cow, do Marc Silvestri, com o abençoado Michael Turner pegou a franquia da Lara Croft em 1998 lançou a série em quadrinhos, com a Witchblade dando as boas vindas para a Lara.


O desenhista Andy Park desenhou a maior parte das 51 edições da revista (mais minisséries) com esmero e dedicação, para alegria dos fãs.


Mas a Lara inspirou tanto o Andy Park que ele, que nem um pokemon, evoluiu tanto que transcedeu os quadrinhos e foi trabalhar fazendo os concept arts dos filmes da MARVEL, praticamente todas as cenas mais legais dos filmes foi ele que desenhou como a cena Homem de Ferro vs Thor ou  Homem de Ferro vs Soldados Extremis, etc.



Confiram o site do artista para ver o trabalho dele em "Guardiões da Galáxia" e outros filmes da Marvel.

Em 2013 a série de jogos foi rebootada com o espetacular novo "TOMB RAIDER", e a editora Dark-Horse comics reiniciou a série de quadrinhos que antes estava com a editora Top Cow.


Mas muitos fãs não simpatizaram com a nova versão chorona. A principal diferença da Lara Croft pré-crise e a pós-crise é que a primeira mata sorrindo e a segunda mata chorando.  Para esses fãs chatos, hã exigentes a Dark Horse também faz histórias da Lara clássica. Então agora tudo está certo. :)



Lara Croft e Nathan Drake competindo pelo posto de Indiana Jones