quinta-feira, 5 de maio de 2016

Fate Stay Night (mangá)

Vou falar brevemente sobre o anime  "FATE STAY NIGHT" de 2006, do estúdio Type Moon.

Um anime que nos pegou de surpresa pela qualidade ,faz alguns anos. Eu e minha esposa vimos os 24 episódios praticamente na sequência numa maratona de um mês. Ficamos pasmos. Que história fantástica!

Bom, a primeira vista, diria que e uma mistura de Pokemon com Highlander (calma). O anime é baseado numa Visual Novel, que é uma mistura de livro com jogo, na qual você, em alguns momentos chave, pode escolher uma rota para o seu personagem. O anime é uma dessas rotas.

A história gira em torno de um combate mortal entre magos. Só que eles não lutam, eles invocam guerreiros lendários para lutar por eles (eu escolho você Rei Arthur). E o final tem acesso ao Santo Graal, na história é um artefato mágico que realiza qualquer desejo.

Os guerreiros das lendas podem ter sido reais ou não, e nisso estão incluídos Hércules, Joana D´Arc, Rei Arthur e estão divididos em castas  Lanceiro, Arqueiro, Espadachim, Guerreiro Louco, Cavaleiro, Mago e Assassino.

O herói da história, Shirō Emiya, parecido com tantos outros personagens de animes, é um adolescente sério, que é filho de mago sem saber disso, mas que tem acesso a alguns poderes. Ao ser atacado pelo Lanceiro, seguindo os comandos do seu mestre ele acaba invocando a SABER (espadachim).

E nisso começa a história, que precisa ser vista SEM SPOILERS. (o review se trata da primeira série de anime, que teve um remake recente com efeitos especiais novos)

"Fate Stay Night" teve um jogo de porradaria pro PS2, "unlimited codes" e é bem legal. Fica lindo mesmo na TV em alta definição. 


O filme de cinema do "Fate Stay Night" chamado "Unlimited Blade Works" é uma história diferente do anime, seria uma outra rota da Visual Novel, na qual as coisas dão muito errado. É necessário ver o anime antes.  Tendo dito isso, os combates são bem ferozes, e é puro Fan-Service.


"Fate Stay Night" teve um prelúdio chamado "FATE ZERO". Esse tem fácil legendado no NetFlix.  Embora a qualidade visual seja boa, neste caso a história é requentada e desnecessariamente violenta.
Bom,  infelizmente a maioria do material do estúdio Type Moon só está em japonês, deixando os tradutores brasileiros fãs se esgoelarem para traduzir o que eles conseguem.

Pronto, fica aqui registrada minha indignação, o descaso para com os fãs brasileiros, argentinos e espanhóis que tem que se virar para assistir FATE.




"Fate Stay Night" também teve um RPG pro PSP chamado "Fate Extra" em 2010, um dos melhores RPGs que joguei.  Ele foi localizado/traduzido do japonês pro Inglês (Aleluia)

Infelizmente pra continuação, nem se deram ao trabalho de traduzir,deixando os fãs a verem navios. Grr


A trilha sonora de "Fate Stay Night" também é um delírio auditivo.



Resumindo, é pouco,  mas o que tem é ótimo :)